• Paulo Lídio

Zack Snyder planejava explorar um breve romance entre Bruce Wayne e Lois Lane, mas Warner vetou


Mesmo não fazendo parte do Snyder Cut que será lançado no mês que vem, romance entre Bruce Wayne (Ben Affleck) e Lois Lane (Amy Adams) estava nos planos do diretor Zack Snyder (Imagem: Warner Bros. / Reprodução)

A Vanity Fair publicou um artigo fascinante sobre como surgiu a "Liga da Justiça de Zack Snyder", revelando pelo menos uma grande ideia que o diretor teve antes que a Warner Bros. o vetasse. Não é segredo que a resposta negativa a "Batman x Superman: A Origem da Justiça" levou o estúdio a uma abordagem mais prática com Liga da Justiça, exigindo um tempo de execução de duas horas, um aumento no humor e o que alguns podem descrever como um uma abordagem mais "cômica" dos personagens.

Uma ideia polêmica que a Warner Bros. não aceitou foi Bruce Wayne (Ben Affleck), desenvolver um romance com Lois Lane (Amy Adams), após a morte do Superman (Henry Cavill). "A intenção era que Bruce se apaixonasse por Lois e então percebesse que a única maneira de salvar o mundo era trazer o Super-Homem de volta à vida", explica Snyder. “Então ele teve um conflito insano, porque Lois, é claro, ainda estava apaixonada pelo Superman. Tivemos um belo discurso em que Bruce disse a Alfred: 'Nunca tive uma vida fora da caverna. Nunca imaginei um mundo para "Eu estou além disso. Mas essa mulher me faz pensar que, se eu conseguir reunir esse grupo de deuses, meu trabalho está feito. Posso desistir. Posso parar." E é claro que isso não funciona para ele", finalizou o diretor.


É válido ressaltar que este enredo não foi adicionado ao "Snyder Cut", mas sim uma ideia inicial antes de o filme ser rodado pela primeira vez.

E você, gostaria de ter visto essa trama em Liga da Justiça? Deixe sua opinião nos comentários!

 POSTS RECENTES