• Alexandre Agassi

Documentário de Wim Wenders está disponível no Belas Artes À La Carte

Do aclamado diretor alemão Wim Wenders (Asas do Desejo), Buena Vista Social Club (1999) entra para o catálogo da plataforma Belas Artes À La Carte. Além deste, também está chegando Os Assassinos (1946), de Robert Siodmak; French Dressing (1964), de Ken Russell; e O Ilusionista (2006), de Neil Burger.

Buena Vista Social Club (1999)

Em 1996, o guitarrista Ry Cooder foi à Cuba gravar um CD com músicos que estavam no ostracismo. Dois anos depois, ele voltou à ilha na companhia do cineasta Wim Wenders e de uma pequena equipe para filmar o documentário. Em seu testemunho, Wenders se isenta de comentários políticos e privilegia a riqueza da música e a sabedoria dos veteranos. Mostra ainda momentos antológicos de apresentações do grupo, alternados com depoimentos dos próprios artistas onde eles se sentem mais à vontade: Havana. O filme foi indicado ao Oscar de 2000 na categoria de Melhor Documentário.

Os Assassinos (1946)

Dois homens são contratados para matar Anderson, o "Sueco". Isto leva Jim Readon, um investigador de seguros, a descobrir que ele tinha um seguro de vida cuja beneficiária era a camareira de um hotel em Atlantic City. A história se baseia no conto original de Ernest Hemingway. O autor foi convidado a ver ao filme antes de seu lançamento para o público. Ao comparecer no dia da exibição, ele veio com uma garrafa de água e outra de gim, que iria bebendo conforme o filme fosse ficando ruim. Porém, ao término do longa, as duas garrafas estavam intactas como um sinal de total aprovação do filme!

O Ilusionista (2006)

O famoso ilusionista Eisenheim (Edward Norton) assombra as platéias de Viena com seu impressionante espetáculo de mágica. Suas apresentações despertam a curiosidade de um dos mais poderosos e céticos homens da Europa, o Príncipe Leopold. Certo de que as mágicas não passam de fraudes, Leopold vai ao show de Eisenheim disposto a desmascará-lo. Quando Sophie, noiva de Leopold, é chamada ao palco para participar de um número, ela reconhece em Eisenheim uma paixão juvenil. Eles iniciam um romance clandestino e o príncipe delega a um inspetor de polícia a missão de expôr a verdade por trás do trabalho do mágico. Este, no entanto, prepara-se para executar a maior de suas ilusões. O longa foi indicado ao Oscar em 2007 para o prêmio de Melhor Fotografia.

French Dressing (1964)

Uma pequena cidade inglesa a beira-mar tenta melhorar sua imagem recebendo um Festival de Filmes. As coisas saem do controle quando uma estrela do continente aceita em participar do Festival. Primeiro longa-metragem do diretor Ken Russell que anteriormente dirigia apenas para televisão. O diretor se inspirou pelos trabalhos de Jaques Tati e Buster Keaton.

A assinatura mensal do Belas Artes À La Carte custa R$ 9,90 e você pode fazer a sua assinatura agora mesmo acessando o site oficial.

 POSTS RECENTES