• Alexandre Agassi

Conheça 'Caminho de Volta', longa filmado durante a pandemia


Mesmo com as dificuldades desenvolvidas por causa da pandemia do COVID-19, a cineasta brasileira Natalia Milano aprendeu a se reinventar e deu origem a Caminho de Volta, um longa sobre uma mulher que vive sozinha em meio a quarentena no atelier do seu falecido marido, localizado nas montanhas. Neste drama, com toques de comédia e suspense, ela terá que aprender a viver sozinha e superar o trauma da morte para poder voltar a viver na cidade de São Paulo quando a pandemia acabar.

Vale destacar que o filme todo foi realizado por apenas três pessoas em um sítio em Gonçalves, em Minas Gerais. Além de protagonista, a diretora Natalia Milano também assina o roteiro junto com Bryan Ruffo, que também interpreta um dos personagens do filme, ao passo que a direção de fotografia ficou nas mãos de Julio Costantini.

E para fazer todo o resto? Pois bem, eles fizeram tudo mesmo! Os equipamentos foram cedidos pela produtora Feel Filmes, mas o manuseio da câmera e microfone, maquiagem foi todo dos três. Sem assistentes, ou técnicos de som, os próprios atores se encarregavam de colocar os seus microfones e fazer sua maquiagem.

"Foi uma experiência muito libertadora, porque não tinha a pressão que um investimento alto, como o orçamento de um filme traz, quando se tem que alcançar uma expectativa de público e retorno financeiro. O que guiou o processo foi a criatividade e a inspiração. Também tivemos a liberdade de administrar nosso próprio tempo e filmar nos melhores horários. Tínhamos que fazer pausas para cozinhar, lavar roupa e arrumar a casa. Por outro lado, por estarmos dormindo na locação, não tinha o tempo do transporte, do trânsito… era acordar, tomar café e filmar", conta Natalia.

No elenco, também estão Thati Lopes e Victor Lamoglia, cujas participações foram por videoconferência. Os atores utilizaram seu celular pessoal para filmar.

Ainda sem previsão de estreia, o longa atualmente está em processo de edição. Confira a sinopse oficial abaixo:

"Uma jovem mulher passa a quarentena nas montanhas, no atelier do seu falecido jovem marido, enquanto lida com o luto e os acontecimentos da pandemia com a ajuda do "fantasma" dele. Ela vai ter que aprender a se virar sozinha, encarando a solidão forçada e superar o trauma da morte para poder começar sua nova vida em São Paulo pós Pandemia.

 POSTS RECENTES